Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica

Agende sua consulta

(16) 3621-8584

(16) 98805-8584

Lipoaspiração

Como é feita a Lipoaspiração?

Através de pequenos cortes na pele e introdução de cânulas metálicas, realiza-se a Sucção da gordura (ou adiposidade) localizada. Essa técnica teve origem na década de 70 e revolucionou o tratamento do contorno corporal, se tornando uma das cirurgias plásticas mais realizadas no mundo.

Quais pacientes mais se beneficiam da lipoaspiração?

  • Pacientes sem obesidade
  • Paciente com gorduras localizadas, que permanecem mesmo com dieta equilibrada e exercícios físicos
  • Paciente com pouca ou nenhuma flacidez de pele

Qual a diferença entre Lipoaspiração e Lipoescultura?

Na lipoaspiração removemos as gorduras localizadas, e na Lipoescultura utilizamos essa gordura retirada para aumentar áreas corporais que necessitem de mais volume (geralmente os glúteos, mas pode ser utilizada também para aumento mamário, reposição de volume facial, rejuvenescimento das mãos, engrossamento das canelas, tratamento de cicatrizes retraídas, etc).

Quantos litros de gordura são retirados na lipoaspiração?

Não há um volume pré-estabelecido, afinal cada paciente tem uma determinada quantidade de gordura localizada. Por isso, apesar de ser uma pergunta comum no consultório, não podemos programar uma lipoaspiração na quantidade de gordura a ser aspirada e sim no  tratamento da área de gordura localizada e aprimoramento do contorno corporal. Além disso, há um limite de segurança preconizado: não lipoaspirar mais de 7% do peso corporal do paciente.

A lipoaspiração pode ser feita para perda de peso?

Não. A lipoaspiração não é indicada para pacientes obesos e não substitui hábitos saudáveis como dieta equilibrada e exercícios físicos regulares. Além disso, a lipoaspiração em obesos é mais arriscada e o resultado não é satisfatório, pois lipoaspirar apenas 7% do peso desses pacientes geralmente não oferece uma melhora significativa no contorno corporal.

Onde ficam as cicatrizes?

Escondemos as cicatrizes em sulcos naturais do corpo ou sob a roupa íntima. A quantidade de incisões necessárias varia de acordo com as localizações das adiposidades. Os pontos são retirados após 10 dias.

Qual o tipo de anestesia?

  • No caso de pequenos acúmulos de gordura o procedimento pode até ser feito sob anestesia local (mini-lipo).
  • Já no caso de lipoaspiração de diversas áreas corporais, o ideal é a anestesia geral.

Quanto tempo dura a cirurgia?

A duração da lipoaspiração varia de 1-3h, de acordo com a extensão das áreas tratadas.

Quanto tempo de internação?

  • No caso da mini-lipo sob anestesia local não há internação, sendo o paciente liberado em menos de 1 h após o procedimento.
  • Já no caso de lipoaspiração corporal, o tempo de internação varia de 8-24h de acordo com a extensão do procedimento.

Quais os cuidados pós operatórios?

  • Usar malha elástica por no mínimo 30 dias
  • Evitar banhos muito quentes na primeira semana
  • Drenagem linfática a ser iniciada por volta do 4º-5º dia de pós operatório e deve ser mantida no 1º mês de pós operatório.
  • Curativos diários nas cicatrizes

Quando é possível voltar a fazer atividades físicas?

Atividades físicas leves e sem carga são liberadas após 10 dias. Atividades gerais são liberadas após 30 dias, mas pode variar de acordo com a extensão da cirurgia.

Quando é possível observar o resultado definitivo?

Em 4-6 meses, mas pacientes que continuam a fazer a drenagem linfática 1x/sem costumam ter resultados mais rápidos.

Compartilhe: